Número total de visualizações de página

Google Translate - Clicar no idioma que preferir

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

A Humildade



Titulo (Humildade) 




Uma luz ou uma estrela?



O que é ser humilde ou necessitar de ser humilde?

Muitas pessoas associam a pobreza com a humildade, no meu modo de ver, penso que a humildade já nasce com nós próprios.

Penso que a humildade é uma "Virtude" que, consiste no conhecimento, e nos seus próprios limites e sensibilidades, só assim nos permite completar de acordo com esta ciência.

Mais exactamente: A humildade é entendermos aquilo que realmente somos, para termos consciência do nosso próprio nível íntimo actual…

Como dizer: Reconhecer as nossas próprias qualidades e aceitar os nossos próprios defeitos ou equívocos, antes de corrigir os dos outros!

Na minha opinião, ser humilde não é alarmar os nossos próprios actos, mas sim permitir que sejam as outras pessoas a darem conta das nossas qualidades, sem necessidade de nos convencerem de elas mesmas.

Ser humilde geralmente é ser modesto, é viver sem superstição.



Jorge Campos

Vamos falar um pouquinho do amanhã de ontem...

A duçura da Vida:


Vamos falar um pouquinho do amanhã de ontem...

A doçura da Vida:

Todos nos sabemos que, a Humanidade no seu desejo, procura encontrar a felicidade…
A Gente empenhou-se por todas as partes à procura das energias e forças da Natureza, para logo coloca-las ao nosso serviço...
Com as tempos que se perdem e, as noites que correm atrás dos dias e, os dias correm atrás das noites!
- Será que poderemos encontrar a felicidade ou não?!
Algumas vezes perguntamo-nos a nós próprios...
- O que é vida e o que pensamos sobre a própria vida?
Penso que todos nós temos experiências memoráveis e, oportunidades que a vida nos dá e que valem a pena.
Mas também penso que a vida muitas vezes é injusta com alguns de nós e até acabar mesmo por nos dar algumas surpresas.
Á partida penso que somos pessoas felizes por termos nascido no sítio que nos tocou, porque a vida é uma lotaria!
Quanto a mim e até agora, só posso dizer que me tratou bem, posso mesmo dizer que não me faltou nada, mas sabendo que, nem tudo pode ser perfeito.…
Por esta razão e devido a algumas experiencias, tratei, e trato de dar um significado a tudo que me rodeia, não quero ser como muita gente! Viventes, mas mortos ao mesmo tempo!…
Quero saber como me sinto, como penso e como estou e acima de tudo saber quem sou!...
Prefiro ser escravo da minha Arte, mas não da minha estupidez!
Sei que quero viver com todas as facetas, mas para mim o mais importante é o sentimento que sinto perante todos os seres Humanos e pela Natureza Mãe e pelo Deus que a criou…
Quantas vezes lemos um livro ou uma revista e encontrámos um artigo, que nos toca profundamente.
Quantas vezes lemos um livro, que nos leva ao conhecimento e à novidade, fazendo mesmo dilatar a nossa mente e mesmo muitas das vezes nos faz entender o Mundo que nos rodeia.
Por esta razão, hoje partilharemos todos este momento, que na minha opinião é uma maneira de interpretar a Arte juntamente com pessoas que procuram a intensidade da Arte e Leitura. “Arte com significado e Arte com Razão”
J. C

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

O homem de Portugal


O Homem de Portugal

É gratificante que, a gente da nossa terra apreciem todos os tipos de iniciativas culturais e, dêem mais valor a todo o trabalho que esta por detrás de tudo isto.
Também não quero deixar de agradecer a toda voz que têm vontade de apoiar todos os eventos, dos quais muitos deles são gratuitos…
Porque são vocês caros senhores, que com a vossa presença estimulam a imagem do nosso Portugal.
Porque a Cultura é uma das principais formas de divulgação do nosso Portugal no exterior.
Como por exemplo: Literatura, Musica, Culinária, Artes Plásticas e outras manifestações artísticas, são elementos significativos para a construção da imagem de um País, especialmente do nosso Portugal.
Porque somos uma sociedade com muitas diversidades, inclusive tolerante, e em constante processo de renovação…
Quanto a este tipo de inventos, são de facto algo que se deveria manifestar-se mais vezes, até mesmo criar uma Comissão Cultural...
Porque em cada um de nós, que vivemos no exterior independentemente qual o motivo que nos trouxe até aqui, ou a função de cada um de nós, temos que ser conscientes que em cada gesto estamos a vender a imagem do nosso Portugal, como uma maneira de dizer somos uma marca Portuguesa perante todas as pessoas que estão à nossa volta…
Porque ser Português não é simplesmente trazer uma bandeira com cinco Quinas
J.C

(Mensagens antigas)

POR FAVOR, PARA VER TODAS AS OBRAS D'ARTE, CLIC NO FIM DE CADA PÁG. (Mensagens antigas)